Saiba o que é endometrite crônica e como ela pode impactar sua fertilidade

> Blog

Saiba o que é endometrite crônica e como ela pode impactar sua fertilidade

22 de outubro de 2020

A endometrite crônica é uma inflamação bacteriana persistente do endométrio, a parede interna do útero. A condição pode impactar diretamente a fertilidade ao diminuir as chances de implantação do embrião no útero e aumentar o risco de aborto.

A maior parte das mulheres é assintomática, mas é possível a manifestação de sintomas como febre, sangramento vaginal anormal, corrimento vaginal e dor no momento na relação sexual. “Mesmo após o tratamento, complicações da endometrite envolvendo alterações nas tubas uterinas e nos ovários podem diminuir as chances de engravidar”, explica a ginecologista da Genesis Natália Paes Barbosa.

Diagnóstico – É feito por meio do exame da cavidade uterina (histeroscopia), retirada de fragmentos do endométrio e envio do material para análise no laboratório (biópsia).

Tratamento – É realizado com antibióticos para combater as bactérias que estão provocando a inflamação, sem necessidade de intervenção cirúrgica. Em algumas situações, o tratamento do parceiro é recomendado para evitar reincidência da doença. Quando há complicações, como formação de abscessos (concentração de pus), pode ser necessário tratamento cirúrgico.

Por Gabriela Brito Conversa | Estratégias de Comunicação Integrada

Mais Notícias

Novembro azul: câncer de próstata não significa o fim do sonho de ser pai

Tudo o que você precisa saber sobre período fértil

Saiba o que é endometrite crônica e como ela pode impactar sua fertilidade

O que é vaginismo e como isso pode impactar as chances de gravidez

Estudo aponta que mulheres que usam aplicativos para monitorar ciclo menstrual aumentam suas chances de engravidar em até 20%

Entenda como a alimentação pode influenciar na síndrome dos ovários policísticos

Genesis participa do primeiro estudo brasileiro multicêntrico sobre análise embrionária não invasiva

O que você come importa: saiba o que incluir no prato para aumentar as chances de uma gravidez saudável

Pesquisa aponta relação entre idade paterna avançada e maiores taxas de abortamento: entenda

Parte II: Como funcionam os tratamentos de reprodução assistida para a população LGBTQIA+?